Só por hoje, confio

jap_confio

A confiança de que nos fala o segundo princípio do Reiki é um dos estados mais complexos de atingir. Porque confiar pressupõe correr riscos. Dar um passo no escuro. Ou um salto no vazio. E acreditar que vai correr tudo bem. Que a turbulência vai serenar. Que do caos vai surgir a ordem.

 

 “Só por hoje confio” é um princípio vasto e trabalhoso. São tantos os desafios nele incluídos que facilmente percebemos o intuito do Mestre Mikao Usui ao integrá-lo nos Cinco Princípios. Desbravar e ultrapassar as dificuldades a ele associadas implica tempo e serenidade. Acima de tudo, exige predisposição interior e libertação de padrões que nos impedem de acreditar. É mandatório que acreditemos, sem dúvidas nem relutâncias. Afinal, na origem etimológica da palavra “confiança” encontramos o seu significado, isto é, “acreditar plenamente, com firmeza, com fé.” Acreditar é ter fé. E ter fé é fechar os olhos e saber – sentindo apenas – que não estamos sós.

 

Confio em mim

A confiança deve ser, antes de mais, trabalhada ao nível do Eu. Assim como o Reiki deve destinar-se, acima de tudo, ao auto-tratamento, também a confiança deve ser primeiro burilada em nós, connosco. Acreditar que temos valor, que merecemos, que conseguimos… que somos. Não é nada fácil, não. Pelo menos, em muitos de nós esta auto-confiança está tão diluída que apenas pensá-la soa a falta de humildade ou ilusão. Mas na verdade é aqui – nesta confiança em nós, no Eu que pulsa cá dentro – que tudo começa. Só por hoje, confio em mim.

 

“Eu posso, portanto, eu sou.”

Simone Weil

 

Confio em ti

Confiar no outro e dar-lhe o benefício da dúvida. Aceitar que quem nos rodeia – a pessoa que partilha a vida connosco, o colega de trabalho, o vizinho da frente ou, simplesmente, quem segue ao nosso lado no autocarro – é merecedor de confiança.

Neste caminho que fazemos de aprender a confiar é provável que percebamos, intimamente, que as nossas desconfianças têm reflexos e consequências, os quais passam, tantas vezes, por ficarmos sozinhos e alheados de processos de felicidade. Apenas porque não fomos capazes de confiar ou de, simplesmente, dar o benefício da dúvida. Só por hoje, confio em ti.

 

“A vida, para os desconfiados e os temerosos, não é vida, mas uma morte constante.”

Juan Vives

 

Confio no Universo

Sentir que fazemos parte de um puzzle intrincado chamado “vida”. E que, no final, as peças encaixam na perfeição revelando uma verdade única, que não podia ser outra, pois é a nossa. Só por hoje, confio em algo que me transcende, mas que me apazigua.

 

“A confiança é um acto de fé, e esta dispensa raciocínio.”

Carlos Drummond de Andrade

 

Confiar é, por fim, o que o Mestre Mikao Usui nos quis transmitir quando seleccionou este poema do Imperador Meiji:  

 

Poema 88 – Pessoas

“As coisas poderão não correr como programadas. Mas, depois, quando olhares para trás, verás que afinal tudo correu bem na tua vida.”

 

Kyo dake wa

Shinpaisuna

Só por hoje confio.

 

Reflexões sobre os Princípios do Reiki:

Só por hoje, sou calmo

Só por hoje, sou grato

Só por hoje, trabalho honestamente

Só por hoje, sou bondoso

 

[Foto: Paulo M. Morais – Quioto, Japão]

 

Sobre o autor:

Be You Reiki – que escreveu artigos no BeYou Reiki.

Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *